Miami Art Week e a importância da arte no fluxo de uma nova mentalidade

Você já ouviu falar da Art Basel? Trata-se da principal feira de arte moderna e contemporânea do mundo, com edições na cidade suíça da Basileia, além de MiamiBeach e Hong Kong. Este movimento cultural teve início nos anos 70, e teve a felicidade de ancorar em Miami Beach em 2002, tornando-se a maior feira de arte dos Estados Unidos. Ela acontece todo os anos no mês de dezembro, transformando a cidade num grande polo de arte em função dos vários eventos satélites que acontecem no mesmo período.

Dentre estes eventos, o Red Dot merece destaque: Este ano, o evento tem um estande que recebe o nome de “The Wall of Arts”, um dos mais vibrantes espaços que compõem a Art Basel e Miami Art Week. O Brasil foi um dos países com maior participação de artistas, incluindo o mineiro Ronaldo Fraga e o nosso parceiro de empreitadas, Marcus Paschoalin, que recentemente participou da última edição da Casa Cor Minas com suas criações.

Novas obras foram especialmente desenvolvidas para este evento, sempre com o destaque para a mistura de cores a inventividade dos traços utilizados em suas telas. Aliás, o pensamento disruptivo e as linhas geométricas de Marcus são destaque não só em suas obras expostas no famoso pavilhão em Miami, mas em nossos projetos onde criamos uma interessante interseção entre a arte, a inovação e a tecnologia. 

Afinal de contas, as artes visuais, assim como outras tantas manifestações artísticas, compreendem um campo de linguagem e pensamento muito expressivo do ponto de vista do olhar em relação ao ser humano – sem dúvida, o nosso maior direcionador quando pensamos em nossos projetos de inovação e tecnologia.

E reforçando este nosso elo com a arte, temas tão importantes como mudanças climáticas, racismo e outras questões sociais são discutidas e abordadas em várias obras exibidas durante o festival. Que a arte possa continuar cumprindo o seu papel de abrir a mente das pessoas, conectando-as a novas formas de se pensar o mundo e a sua relação com a humanidade. Parabéns Marcus, e vida longa a Miami Art Week!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *